O Nubank estreou na Bolsa de Valores e, com a precificação de suas ações, tornou-se como o banco mais valioso do Brasil e da América Latina. A empresa é digital (sem agência) não tem nem dez anos de vida, mas já está avaliada em quase R$ 280 bilhões. O que explica isso?

O FLIPAR! conta a partir de agora.